Como funciona um carro movido a hidrogênio

Nos últimos anos, os avanços tecnológicos têm revolucionado o setor automotivo, impulsionando uma mudança significativa em direção a formas mais sustentáveis de mobilidade, como os veículos elétricos. Outro exemplo notável dessa transformação é a ascensão dos carros movidos a hidrogênio, representados por modelos inovadores como o Toyota Mirai.

Estes veículos oferecem uma alternativa promissora aos tradicionais movidos a combustíveis fósseis,
apresentando um sistema de propulsão que não apenas reduz as emissões de poluentes, mas também elimina completamente a produção de gases de escape prejudiciais à saúde e ao meio ambiente.

Leia mais:

Saiba como funciona um carro a hidrogênio

Busca por uma alternativa sustentável de matriz energética é desafio da indústria automobilística (Imagem: Pixabay)

Um carro movido a hidrogênio representa uma das inovações mais promissoras no setor automotivo em termos de redução de emissões e sustentabilidade ambiental. A tecnologia por trás desses veículos se baseia em células de combustível que convertem o hidrogênio em eletricidade de maneira eficiente e limpa.

Essa conversão ocorre em um processo eletroquímico que não envolve combustão, resultando apenas na
emissão de água pura como subproduto.

O que permite que isso aconteça nesses veículos é o sistema de células de combustível de membrana de troca de prótons (PEMFC), que desempenha um papel central na geração de eletricidade.

Dentro dessas células, o hidrogênio é separado em prótons e elétrons. Enquanto os prótons atravessam uma membrana especial, os elétrons seguem um caminho externo, gerando eletricidade que alimenta o motor elétrico do veículo. A combinação dos prótons com os elétrons e o oxigênio do ar resulta na formação de água, eliminando completamente a produção de gases de escape nocivos à saúde e ao meio ambiente.

Dióxido de Carbono (CO²) é um dos inimigos que geram o efeito estufa (Imagem: Pixabay)

O armazenamento de hidrogênio é, porém, um aspecto crucial desses carros. O hidrogênio é altamente inflamável e deve ser armazenado com segurança. Para isso, os veículos movidos a hidrogênio são equipados com tanques de alta pressão projetados para manter o hidrogênio em estado gasoso. Esses tanques são construídos com materiais robustos e passam por rigorosos testes de segurança para garantir a integridade do sistema.

É também importante observar que, embora o sistema de propulsão do carro seja alimentado exclusivamente por hidrogênio, o processo de produção desse hidrogênio pode envolver diferentes fontes de energia. No caso do Toyota Mirai, mencionado no texto, há uma menção ao potencial de aproveitar o etanol para a geração de hidrogênio, o que sugere a possibilidade de um processo de produção de hidrogênio mais sustentável e diversificado.

Infraestrutura ainda é um problema a ser resolvido

Quanto ao abastecimento, os carros movidos a hidrogênio enfrentam desafios semelhantes aos veículos elétricos em termos de infraestrutura. Embora a tecnologia esteja avançando rapidamente, a rede de estações de abastecimento de hidrogênio continua em desenvolvimento e não é tão amplamente disponível quanto as estações de carregamento para veículos elétricos. Isso pode representar uma barreira significativa para a adoção em massa desses veículos, apesar de seu potencial ambientalmente amigável.

Carros elétricos também ainda carecem de infraestrutura para carregamento (Imagem: Freepik)

Apesar das vantagens ambientais claras dos carros movidos a hidrogênio, é importante reconhecer que existem desafios significativos a serem superados. Além da infraestrutura de abastecimento, os altos custos de produção e a eficiência energética do processo de produção de hidrogênio são questões importantes a serem consideradas.

No entanto, com investimentos contínuos em pesquisa e desenvolvimento, juntamente com parcerias entre governos, indústria automotiva e setor energético, os carros movidos a hidrogênio têm o potencial de desempenhar um papel importante na transição para uma mobilidade mais limpa e sustentável.



FONTE

Sobre o Autor

Ubiratan Motta
Ubiratan Motta

Historiador que dedicou sua vida à carreira militar. Especialista em recursos humanos e logística, e com vasta experiência em operações e missões das Forças Armadas.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.