Fim do offline? Novo programa de Imposto de Renda terá recursos em tempo real em 2025

Os contribuintes do Imposto de Renda terão uma temporada de declaração mais digital a partir de 2025, segundo José Carlos da Fonseca, supervisor nacional do Programa de IR.

A Receita Federal e o Serpro já discutem e planejam que, a partir de 2025, comecem a ser implementadas as tecnologias que possibilitem substituir a declaração offline (programa instalado no computador) por uma solução online, com validações em tempo real.

“Acreditamos que será um novo marco no IRPF. Não esperamos uma adesão total de todos os contribuintes em 2025, mas é o início de uma nova jornada, de uma nova forma de apresentar a declaração do Imposto de Renda”, disse o supervisor.

Exclusivo para novos clientes

CDB 230% do CDI

Destrave o seu acesso ao investimento que rende mais que o dobro da poupança e ganhe um presente exclusivo do InfoMoney

Segundo Fonseca, a Receita passará a utilizar a tecnologia que é baseada em armazenamento de informações na nuvem e uma aplicação online. “Já começamos a fazer esse trabalho em conjunto com o Serpro [serviço de dados do governo]”, afirmou.

No início da segunda quinzena de abril, a Receita e o Serpro reuniram equipes de negócio e desenvolvimento de TI para iniciar a especificação dos requisitos que vão orientar a evolução da multiplataforma de serviço do “Meu Imposto de Renda” para o próximo ciclo e divulgaram uma nota à imprensa nesta semana sobre o tema.

Fonseca relembrou, resumidamente, a trajetória da tecnologia do IRPF. A primeira declaração do IR foi em 1924, feita em papel, num formulário simples, o que foi evoluindo com o tempo e, na década de 90, a Receita passou a oferecer a possibilidade de preencher a declaração em meio eletrônico e envio pela internet, com o programa criado na época junto com o Serpro.

Continua depois da publicidade

Pré-preenchida é referência

A pré-preenchida pode ser utilizada como um exemplo da evolução da parceria, segundo os porta-vozes. O modelo automatizado, que também garante prioridade no pagamento da restituição, já representa 40% das 18,7 milhões entregas de declarações feitas até as 18h45 de sexta-feira (26) e vem se provando ano após ano.

Jamil Jende, que lidera a equipe de Desenvolvimento para a Declaração no Serpro, afirma que o ciclo 2025 já começou e a promessa é de um novo produto, relacionado ao programa, deverá ser lançado na próxima temporada.

“Estamos trabalhando nesse novo produto para 2025, que deve agregar uma série de inovações, tanto para usuário final, quanto para a gestão da solução por parte da Receita Federal”, complementa Jamil.

FONTE

Sobre o Autor

Ubiratan Motta
Ubiratan Motta

Historiador que dedicou sua vida à carreira militar. Especialista em recursos humanos e logística, e com vasta experiência em operações e missões das Forças Armadas.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.